Kronos Quartet – Sesc Pinheiros – 06/12/2014

Publicado: 18 de dezembro de 2014 em Shows, Willian Abreu Fala
Tags:, ,

kronos-quartet

Por Willian Abreu

O Kronos Quartet tem sido ao longo dos seus 40 anos de história um grupo fomentador da música contemporânea.
Ao longo de sua trajetória o Kronos já gravou trilhas sonoras para filmes, fez parcerias com artistas como David Bowie, Paul McCartney e Dave Matthews e é hoje um grupo muito festejado tanto no cenário erudito como no popular por transitar entre estes dois mundos trazendo uma integração que poucos grupos podem proporcionar.
Seu status é o mesmo das grandes bandas de rock com raízes nos anos 70 e não é atoa que o grupo é chamado de Rolling Stones do quarteto de cordas.
Para o leitor não iniciado cabe recordar um pouco a respeito da formação e da denominação de um quarteto de cordas clássico.
Um quarteto de cordas é formado por dois violinos, uma viola e um violoncelo. Cabe lembrar que a viola clássica é um pouco maior que o violino e menor que o violoncelo, seu som é mais grave e mais encorpado do que o violino, então nada de comparativos com a viola caipira.
A maioria das pessoas ao ouvir a palavra música clássica ou música erudita já faz a associação com a grande orquestra, composta por dezenas de violinos, violoncelos, contrabaixos, trompetes, tímpanos, clarinetes e por aí vai. Embora a grande maioria das composições seja para grupos orquestrais de médio ou grande porte há também obras compostas para formações menores as quais damos o nome de grupos de câmara, que tem uma formação mais intimista.
A formação dos quartetos de corda passa a se tornar muito popular a partir do século 18, quando os grandes compositores clássicos passam a dar mais atenção e a explorar as possibilidades desse tipo de formação para compor sua música.
A consolidação do quarteto de cordas é feita por Franz Joseph Haydn (1732 – 1809), um dos mais importantes compositores do período clássico (Beethoven foi aluno de Haydn), que escreve dezenas de obras para esse tipo de formação e que são hoje em dia a base do repertório clássico para  quarteto. Wolfgang Amadeus Mozart (1756 – 1791) também dá sua contribuição para o quarteto de cordas, mas é Ludwig Van Beethoven (1770 – 1827) com toda a base criada por Haydn que explora ao máximo suas possibilidades, escrevendo verdadeiras obras primas para esse tipo de formação.
Os quartetos de Beethoven são obras praticamente obrigatórias para os fãs de música clássica. A fluência na escrita, o humor, a dor, a alegria estão presentes em seus quartetos de cordas. A dificuldade técnica para se executar os quartetos de Beethoven também é perceptível e foi à época um grande desafio aos músicos.
Essa formação clássica como descrevemos atravessa os séculos e chega aos dias de hoje de maneira atual, não é música congelada no tempo. Essa é a proposta do Kronos.
Eu acompanho o grupo a um bom tempo e estive no concerto no Sesc Pinheiros no último dia 06/12. Ao verificar o programa, pensei Wow! Isso vai ser interessante.
O Kronos faz música atual, a maior parte do repertório do concerto inclusive são obras compostas para o próprio grupo por encomenda a compositores do porte de Philip Glass e Astor Piazolla.
Seus integrantes, os violinistas David Harrington e John Sherba, o violista Hank Dutt e a jovem violoncelista Sunny Yang trouxeram ao público brasileiro um repertório pouco usual, difícil de ser compreendido e apreciado.
Nesse contexto a interpretação faz toda a diferença. Seus músicos são excepcionais do ponto de vista técnico, o repertório apesar de difícil é bastante instigante e arrancou aplausos calorosos da plateia que lotou o teatro do Sesc.
Além disso, o Kronos faz música para ser vista. A iluminação do espetáculo e os efeitos visuais fazem parte do concerto e muitas obras tem efeitos sonoros eletrônicos que dão outra dimensão à musica. Os puristas que me perdoem, mas a sonoridade do grupo mesmo utilizando amplificação e efeitos sonoros nos instrumentos são muito bem utilizados e faz com que a música alcance outro nível nesse tipo de execução.
Sai do concerto plenamente satisfeito com a música e a apresentação. Ao perguntar a minha noiva que me acompanhava o que ela achou ela me diz: É uma loucura, mas foi muito legal.

Com essa opinião comprovei que a proposta do Kronos foi alcançada.

Esse é um vídeo do Kronos Quartet em parceria com o artista finlandês Kimmo Pohjonen. A música é sensacional.

Perfil - Willian Abreu

Anúncios
comentários
  1. […] Kronos Quartet – Sesc Pinheiros – 06/12/2014 […]

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s