Fila Benário Fala

Em meio à crise da indústria fonográfica, Adele bate recorde de Oasis

Foto 1

Em apenas uma semana, o mais novo álbum da cantora britânica Adele, intitulado 25, vendeu 800.307 cópias apenas no Reino Unido. Sendo assim, Adele alcança a primeira posição do ranking dos discos mais vendidos na semana de estreia, desbancando o Oasis que em 1997, com o lançamento do seu terceiro disco Be Here Now, vendeu 696 mil cópias. Tal fato nos convida a refletir sobre o caminho da indústria musical até então.

A verdade é uma só, a indústria fonográfica está em crise. Desde o surgimento de plataformas de compartilhamento ilegal de música, como Napster, Kazaa, e entre outros, o declínio das vendas de discos só tem aumentado. Thriller de Michael Jackson, o disco mais vendido da história da música, com inacreditáveis 110 milhões de cópias vendidas no mundo todo, na época do seu lançamento, em 1982, vendeu 32 milhões de cópias, derrubando o imbatível The Dark Side of The Moon (1973) do Pink Floyd, e sendo incluído no Guinness Book de 1984. Em 2014 disco mais vendido foi 1989 da Taylor Swift com 3,66 milhões, ou seja, 29 milhões cópias a menos que Michael há exatos 32 anos.

Thriller, o disco mais vendido da história da música
Thriller, o disco mais vendido da história da música

Portanto, as 800 mil cópias vendidas de Adele em uma semana no Reino Unido, que agora somadas com as vendas nos Estados Unidos já dá um total de 3 milhões de cópias, que com certeza será o disco mais vendido do ano, já faz de Adele um grande objeto de admiração, além de sua voz emblemática e suas canções encantadoras. Nas vendas virtuais, Adele também bateu recorde, os downloads legalizados e pagos de 25 chegaram a um total de 252.423. Não dá para fechar os olhos e não afirmar que ela é um fenômeno.

Adele e os seus Grammys em 2012
Adele e os seus Grammys em 2012

Mas se observarmos a história por um outro ângulo, veremos que a derrota do Oasis não foi tão desproporcional assim se levarmos em consideração as épocas. Quando Be Here Now foi lançado em 1997, após o sucesso arrasa quarteirão do álbum anterior (What’s the Story) Morning Glory? (1995), as únicas formas de se consumir música naquela época era comprando o disco ou sentando ao lado do rádio e esperando algum single tocar. Não havia Napster, Kazaa, Torrent, Deezer, Spotify ou Lyric Vídeo no Youtube. Portanto, as vendas de Oasis, Michael Jackson, as 50 milhões de cópias vendidas de Back In Black (1980) do AC/DC e The Dark Side Of The Moon do Pink Floyd são significativas, impactantes e foram na raça.

Oasis na época do 'Be Here Now'
Oasis na época do ‘Be Here Now’

Não desmerecendo Adele, mas hoje ela tem uma superexposição na mídia graças à internet, o clipe de Hello, o seu mais recente single foi um dos vídeos mais visualizados no Youtube em 2015, com 100 milhões de views. Ela é um fruto totalmente vendável para uma geração que consome internet, que não ouve álbuns completos apenas faixas aleatórias no celular. Enfim, os tempos são outros, e talvez seja Adele a porta voz dessa geração, como foi Michael em 1980 e o Oasis em 1990.

Em meio à crise fonográfica a Adele desbancar o recorde do Oasis no Reino Unido é algo admirável, entretanto é mais admirável ainda que esse recorde levou 18 anos para ser quebrado!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s